Contactos Endereço Equipa de Trabalho Mapa do Site  
Apresentação   Formas de Relevo e Clima   Apresentação Histórica  
Metodologia
Recursos Hídricos População e Actividades Económicas  
Comunicações Litologia As paisagens de terraços
Resultados
População e Actividades Económicas

Conclusões

 
Bibliografia

Em virtude da pluralidade paisagística e funcional existente em Portugal, realizamos uma análise socioeconómica à escala da Região Norte onde se podem identificar múltiplos conjuntos territoriais. Distinguem-se, todavia, pelas suas dinâmicas demográficas e económicas, duas unidades territoriais:

  • O Noroeste, com maior densidade de ocupação, polarizado pelo Grande Porto (1537 hab/km2, INE 2001), quadro que se complementa com um conjunto de núcleos urbanos de grande dimensão, designadamente Braga, Guimarães e Viana do Castelo.

Este espaço é dotado de elevado dinamismo, promovido com a difusão de itinerários de grande capacidade e com a aposta em diferentes fileiras económicas fundamentadas, nomeadamente nos sectores têxtil, calçado e construção civil.

Parceiros
Ligações
Objectivos
Zonas Piloto
Campos Experimentais
 
     
   
Densidade Populacional nas Freguesias da Região Norte, em 2001

Este espaço é dotado de elevado dinamismo, promovido com a difusão de itinerários de grande capacidade e com a aposta em diferentes fileiras económicas fundamentadas, nomeadamente nos sectores têxtil, calçado e construção civil.

Apesar da crescente terciarização dos principais núcleos populacionais, subsiste ainda a importância das actividades agro-florestais, particularmente em espaços mais afastados da faixa litoral e dos referidos núcleos;

  • Trás-os-Montes e Alto Douro, com densidade de ocupação bastante inferior (27 hab/km2, INE 2001), constitui uma unidade territorial onde sobressaem perdas demográficas sucessivas mais incisivas nas décadas de cinquenta a setenta do século XX. Apesar desta tendência recessiva prosseguir, desde então tem-se verificado um abrandamento, mais relevante com a crescente concentração demográfica e económica nas sedes concelhias e freguesias contíguas, entretanto dotadas de melhores condições de acessibilidade . Naquelas onde persiste uma forte ruralidade, reforça-se a perda de efectivos.
                   
           
                   
          Taxa de Actividade e População Activa por Sectores de Actividade nos Concelhos da Região Norte, em 2001
Topo da Página